Representação

Calar-se diante do mal já é em si mesmo mal.
Não falar é falar.
Não tomar posição é tomar posição.
Dietrich Bonhoeffer

Pessoas e organizações têm compromissos de representação.

A representatividade diz respeito ao papel de duas vias que um representante desempenha.
1ª via: representar uma instância  (comunidade, paróquia, sínodo) numa instância maior (conselhos, assembleias, concílio): falar em nome da instância que representa defender suas necessidades e buscar as soluções que sejam melhores para todos.

2ª via: defender junto à instância que representa o consenso alcançado na instância maior.

A qualidade das decisões e dos encaminhamentos está diretamente ligada à qualidade da representação. Quanto maior essa capacidade representativa, maior a articulação entre as partes.

 

GESTÃO
+
Se reconhecemos as grandes e preciosas coisas que nos são dadas, logo se difunde, por meio do Espírito, em nossos corações, o amor, pelo qual agimos livres, alegres, onipotentes e vitoriosos sobre todas as tribulações, servos dos próximos e, assim mesmo, senhores de tudo.
Martim Lutero
© Copyright 2018 - Todos os Direitos Reservados - IECLB - Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil - Portal Luteranos - www.luteranos.com.br